A indústria de seguros contra o cibercrime

CIBERCRIME

 

A saúde de uma empresa é baseada em sua reputação, que é o termômetro usado para medir a maneira como os clientes a valorizam. Essa confiança depositada pouco a pouco na empresa é a resposta para um produto ou serviço satisfatório, caso contrário, em uma sociedade hiperconectada, leva alguns minutos para que a notícia de um incidente negativo se torne viral.

Neste mundo digital, cada transação comercial envolve implicitamente a transferência de certos dados pessoais, que são colocados nas mãos da mesma empresa, de uma instituição bancária ou de uma plataforma de pagamento eletrônico. Essa informação é um ativo e faz parte do negócio, por isso torna-se sensível e exige maior proteção.

Se as empresas em geral coletam informações dos clientes, as seguradoras são um caso especial porque precisam coletar, processar e armazenar volumes substanciais de informações confidenciais para gerenciar seus serviços.

Além disso, as seguradoras mantêm vínculos com outras instituições financeiras por meio de múltiplos canais, realizam inúmeras operações e oferecem uma variedade de serviços que podem aumentar ou diminuir sua exposição ao risco cibernético. Um ataque desse tipo hoje em dia pode se tornar caro e prejudicar a reputação de qualquer empresa.

 

Veja o infográfico a seguir:

 

INFOGRAFIA_DECIMO_OCTAVA_5_A_industria_de_seguros_contra_o_cibercrime

Tags: cibercrime, seguros, seguradora, chubb, chubb seguros, confiança, corretora, corretor de seguros, corretora de seguros, industria, industria de seguros

Endereço

comercial@satreseguros.com.br 

Rua Silvestre Ferraz  41 Centro

Pouso Alegre - MG  37.550-126

(35) 3422-2745 (35) 9 9105-9051