O que o transportador deve saber ao contratar o seguro RCTRC

  • 0

O que o transportador deve saber ao contratar o seguro RCTRC

O que o transportador deve saber

A SATRE SEGUROS AMBIENTAIS , TRANSPORTES E RISCOS EMPRESARIAIS , NO INTUITO DE PRESTAR CADA VEZ MAIS EXCELÊNCIA EM SEUS SERVIÇOS, ORIENTA TODOS OS SEUS SEGURADOS EM TODAS AS QUESTÕES PERTINENTES A CONTRATAÇÃO DO SEGURO, APRESENTADAS POR ESCRITO ATRAVÉS DA PROPOSTA INICIAL, CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO E APÓLICE,  E QUE ESTÁ APTA A ESCLARECER QUALQUER ASSUNTO  E A QUALQUER SITUAÇÃO QUE REPRESENTE DUVIDA  NO QUE TANGE AS COBERTURAS E NÃO COBERTURAS CONTRATUAIS. É FUNDAMENTAL O ESCLARECIMENTO DO CORRETOR DE SEGUROS NA CONTRATAÇÃO DA APÓLICE.

POR ISTO ESTAMOS PUBLICANDO UM RESUMO DAS PRINCIPAIS SITUAÇÕES QUE O TRANSPORTADOR QUE CONTRATA O SEGURO DE TRANSPORTES DEVE SABER:

RISCOS COBERTOS –  RCTRCSEGURO OBRIGATÓRIO POR LEI  QUE DEVE SER CONTRATADO PELO TRANSPORTADOR QUE FAZ EMISSÃO DO CTE (CONHECIMENTO ELETRÔNICO) AO TRANSPORTAR CARGA DE TERCEIROS. ESTE SEGURO   COBRE A CARGA  MEDIANTE  SINISTRO DE COLISÃO, CAPOTAGEM OU TOMBAMENTO  DO VEICULO TRANSPORTADOR  E INCÊNDIO OU EXPLOSÃO NO VEICULO TRANSPORTADOR. MESMO QUE O DONO DA CARGA TENHA O SEGURO  DELE, OU QUE NÃO EXIJA O SEGURO NA NEGOCIAÇÃO DO FRETE, ESTE SEGURO É OBRIGATÓRIO E DEVE SER CONTRATADO PELO TRANSPORTADOR. É IMPORTANTE O TRANSPORTADOR SABER, QUE SE O DONO DA CARGA DISSER QUE TEM SEGURO, O TRANSPORTADOR DEVE TER UM DOCUMENTO QUE O RESGUARDE DE UMA COBRANÇA DA SEGURADORA DO DONO DA MERCADORIA EM CASO DE SINISTRO. A SEGURADORA DO DONO DA MERCADORIA SÓ PODE EXIMIR A COBRANÇA DE ROUBO MEDIANTE CARTA DE DDR, E NÃO PODE DISPENSAR A CONTRATAÇÃO DO SEGURO OBRIGATÓRIO.QUANDO FALAMOS EM SEGUROS DE  TRANSPORTE,  A GARANTIA DO SEGURO É DURANTE O TRANSPORTE , OU SEJA EM TRANSITO. AS  CARGAS DEVEM ESTAR  DEVIDAMENTE AVERBADAS JUNTO A SEGURADORA  APÓS EMISSÃO DE CTE  E ANTES DO CARREGAMENTO. O VALOR DEVE ESTAR EM CONFORMIDADE COM O  LIMITE DA APÓLICE CONTRATADA.

RISCOS NÃO COBERTOS – RCTRC –  PRINCIPAIS SITUAÇÕES

  • NÃO AVERBAÇÃO JUNTO A SEGURADORA ANTES DO EMBARQUE
  • INOBSERVÂNCIA DAS DISPOSIÇÕES QUE DISCIPLINAM O TRANSPORTE DE CARGA POR RODOVIA; EXEMPLOS: DOCUMENTAÇÃO IRREGULAR , CNH DO MOTORISTA VENCIDA OU NÃO SER COMPATÍVEL A CONDUÇÃO DO VEICULO  COM A CATEGORIA, MOTORISTA EMBRIAGADO OU DROGADO NO VOLANTE,  EXCESSO DE CARGA, PESO OU ALTURA, ALTERAÇÕES NO VEICULO NÃO REGULAMENTADAS, TRAFEGO EM ESTRADAS NÃO PERMITIDAS AO TRANSITO.
  • DANOS A CARGA COMO, EXTRAVIO, QUEBRA, DERRAME, VAZAMENTO, ARRANHADURA, AMOLGAMENTO, AMASSAMENTO, MÁ ARRUMAÇÃO  E OU MAL  ACONDICIONAMENTO, MOLHADURA, OXIDAÇÃO, FERRUGEM, PERDA MERCADORIA POR FALHA SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO.  PARA GARANTIA  DO SEGURO DESTAS SITUAÇÕES, DEVE SER ANALISADA UMA CONTRATAÇÃO DE UMA CLAUSULA ADICIONAL PARA ESTES RISCOS MEDIANTE ANALISE DA SEGURADORA.
  • MUDANÇA, MOVEIS , ANIMAIS, CONTEINERES, VEICULOS. PARA GARANTIA  DO SEGURO DESTAS SITUAÇÕES, DEVE SER ANALISADA UMA CONTRATAÇÃO DE UMA CLAUSULA ADICIONAL PARA ESTES RISCOS MEDIANTE ANALISE DA SEGURADORA.
  • SEGURO AMBIENTAL. DEVE SER CONTRATADA UMA APÓLICE ESPECIFICA PARA ESTA GARANTIA.
  • SEGURO DE ROUBO : DESAPARECIMENTO DA CARGA  (DC) DEVE SER CONTRATADA UMA APÓLICE ADICIONAL A RCTRC.

COBRANÇA:  MENSAL. SOMAM-SE TODAS AS AVERBAÇÕES DENTRO DO MÊS E APLICA-E A TAXA CONTRATADA.  SE O VALOR APURADO  FICAR ABAIXO DO MINIMO MENSAL, COBRA-SE O MINIMO MENSAL + IOF 7,38% . SE FICAR ACIMA DO MINIMO, COBRA-SE O VALOR APURADO + 7,38% IOF.

MESMO NÃO AVERBANDO DURANTE O MÊS, A COBRANÇA DO PREMIO MINIMO MENSAL É DEVIDA. A COBRANÇA É SEMPRE POSTERIOR AO MÊS DE EMBARQUE.

COM ESTAS INFORMAÇÕES O TRANSPORTADOR TERÁ MAIOR CONHECIMENTO DE SUA APÓLICE, TOMANDO AS MEDIDAS NECESSÁRIAS PARA REGULARIZAR A SUA APÓLICE EVITANDO SITUAÇÕES DESAGRADÁVEIS EM CASO DE SINISTRO.


FACEBOOK

Facebook By Weblizar Powered By Weblizar